Madeirada News

MENU
Logo
Sexta, 03 de julho de 2020
Publicidade
Publicidade

Policial

Vídeo mostra homem fugindo antes de ser executado em posto no DF

No Lago Norte, a vítima foi alvo de cinco tiros e não resistiu. Polícia aponta acerto de contas como motivação para o crime

3154
Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Imagens mostram o momento em que homens correm atrás de Gleilton Pereira Calasans, 43 anos, e atiram contra ele, em posto de gasolina na QI 2 do Lago Norte. A vítima foi até a parte de trás do comércio e acabou assassinado com cinco tiros: dois na cabeça.

A polícia ainda busca a causa exata do crime, que aconteceu no domingo (01/11/2019). Entretanto, de acordo com informações preliminares, a explicação seria de acerto de contas.

 No vídeo, Gleilton está fora do carro, enquanto o veículo é abastecido. Então, chega um automóvel com algumas pessoas. Quando a vítima chega perto, nota que os homens estão armados e sai em disparada.

 

De acordo com membros da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) que atenderam o caso, a vítima corre por cerca de 30 metros até que é atingido. “Foram cinco disparos: dois na cabeça”, afirmou o subtenente Alencar, que estava à frente da equipe que compareceu ao local.

Foragido

Um dos suspeitos é Leandro Ribeiro Gama, 33 anos, que está foragido. A Polícia Civil do DF (PCDF), oficialmente, não confirma nenhuma informação. A 9ª Delegacia de Polícia (Lago Norte) investiga o caso.

O militar, porém, afirma que Gleilton teria ameaçado Leandro e dito que buscaria a arma. A discussão aconteceu por volta das 17h. “A polícia soube, mas não encontrou nada no carro, nem com ele”, disse Alencar. Os disparos ocorreram por volta das 18h20.

 

Comentários:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Encaminhe sua mensagem, assim que possível estaremos te respondendo ;)