Madeirada News

Vídeo-Já que você me conhece eu vou te matar, diz bandido ao assaltar casa em Santa Maria

moradores do Conjunto J da Quadra 403, em Santa Maria, tentaram linchar um dos suspeitos
Vídeo-Já que você me conhece eu vou te matar, diz bandido ao assaltar casa em Santa Maria
13647

Vídeo-Já que você me conhece eu vou te matar, diz bandido ao assaltar casa em Santa Maria

 

Um assalto a residência na Quadra 403, Conjunto J, em Santa Maria, terminou com três feridos, na manhã desta quarta-feira (18/09/2019). Duas vítimas são irmãos e moradores da casa onde ocorreu o roubo. Uma foi baleada. A outra, esfaqueada. Eles reagiram ao roubo. Não correm risco de morte.

Três suspeitos tentaram assaltar a casa para levar o carro da família, por volta das 6h30. Um dos criminosos estava com uma arma e outro portava uma faca. Os moradores reagiram ao crime e, neste momento, foram atingidos. Dois acusados fugiram, mas o terceiro acabou contido e agredido por populares. Vizinhos registraram a tentativa de linchamento (veja abaixo).

No momento do assalto, haviam quatro pessoas na residência. Dois irmãos, a mãe deles e o marido dela. Eles reagiram ao roubo e um dos três assaltantes efetuou disparos contra Wigaro Rodrigues, 28 anos. O outro deu duas facadas em João Vítor Rodrigues, 19.

Os bandidos seriam vizinhos das vítimas. “Já que você me conhece, vou te matar agora”, teria dito o assaltante a João, que levou uma facada próximo à cabeça e outra no ombro. Wigaro ficou ferido na perna. A mãe está muito abalada. “O triste é que não podemos confiar nem nos nossos vizinhos”, disse um outro irmão, Roberto Rodrigues, 32.

“Santa Maria não é um lugar seguro. Moro há 32 anos aqui, convivemos com esses homens, brincamos juntos… E aí acontece isso, uma pessoa conhecida, de cara limpa… Deixaram a casa destruída, cheia de sangue e feriram meus irmãos”, acrescentou

Magno de Sousa, 30, é parente de uma das vítimas. Brigadista e motorista de aplicativo, ele chegou depois do assalto. O homem também reclama da violência na região. “A população está indignada com a falta de segurança aqui em Santa Maria”, desabafa ele.

Magno conta que tinha muita gente na rua na hora do roubo. “Eram de 10 a 15 pessoas, todas foram para cima do assaltante. O seguraram até a polícia chegar. Os outros dois conseguiram fugir. Um deixou um casaco vermelho cair no chão”, ressaltou. Os moradores soltaram um pitbull para espantar os suspeitos.

Uma das vizinhas que presenciou o roubo disse que, na última segunda-feira (16/09/2019), o irmão dela, de 17 anos, foi assaltado por volta das 13h. Na abordagem, o bandido deu uma facada nas costas da vítima. “Ele levou a facada mesmo sem reagir. Aqui é muito perigoso. Recentemente, começou uma onda de arrastões na região”, assinalou.

OUVIR NOTÍCIA

 

Um assalto a residência na Quadra 403, Conjunto J, em Santa Maria, terminou com três feridos, na manhã desta quarta-feira (18/09/2019). Duas vítimas são irmãos e moradores da casa onde ocorreu o roubo. Uma foi baleada. A outra, esfaqueada. Eles reagiram ao roubo. Não correm risco de morte.

Três suspeitos tentaram assaltar a casa para levar o carro da família, por volta das 6h30. Um dos criminosos estava com uma arma e outro portava uma faca. Os moradores reagiram ao crime e, neste momento, foram atingidos. Dois acusados fugiram, mas o terceiro acabou contido e agredido por populares. Vizinhos registraram a tentativa de linchamento (veja abaixo).

No momento do assalto, haviam quatro pessoas na residência. Dois irmãos, a mãe deles e o marido dela. Eles reagiram ao roubo e um dos três assaltantes efetuou disparos contra Wigaro Rodrigues, 28 anos. O outro deu duas facadas em João Vítor Rodrigues, 19.

Os bandidos seriam vizinhos das vítimas. “Já que você me conhece, vou te matar agora”, teria dito o assaltante a João, que levou uma facada próximo à cabeça e outra no ombro. Wigaro ficou ferido na perna. A mãe está muito abalada. “O triste é que não podemos confiar nem nos nossos vizinhos”, disse um outro irmão, Roberto Rodrigues, 32.

“Santa Maria não é um lugar seguro. Moro há 32 anos aqui, convivemos com esses homens, brincamos juntos… E aí acontece isso, uma pessoa conhecida, de cara limpa… Deixaram a casa destruída, cheia de sangue e feriram meus irmãos”, acrescentou

Magno de Sousa, 30, é parente de uma das vítimas. Brigadista e motorista de aplicativo, ele chegou depois do assalto. O homem também reclama da violência na região. “A população está indignada com a falta de segurança aqui em Santa Maria”, desabafa ele.

Magno conta que tinha muita gente na rua na hora do roubo. “Eram de 10 a 15 pessoas, todas foram para cima do assaltante. O seguraram até a polícia chegar. Os outros dois conseguiram fugir. Um deixou um casaco vermelho cair no chão”, ressaltou. Os moradores soltaram um pitbull para espantar os suspeitos.

Uma das vizinhas que presenciou o roubo disse que, na última segunda-feira (16/09/2019), o irmão dela, de 17 anos, foi assaltado por volta das 13h. Na abordagem, o bandido deu uma facada nas costas da vítima. “Ele levou a facada mesmo sem reagir. Aqui é muito perigoso. Recentemente, começou uma onda de arrastões na região”, assinalou.

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Trânsito
Moradores do Entorno enfrentam verdadeiro calvário no transporte público
Moradores do Entorno enfrentam verdadeiro calvário no transporte público
VISUALIZAR
Policial
Filho é preso junto com mãe acusado de participar da morte do pai em Luziânia
Filho é preso junto com mãe acusado de participar da morte do pai em Luziânia
VISUALIZAR
Policial
Bandido morre em confronto com o GPT de Luziânia
Bandido morre em confronto com o GPT de Luziânia
VISUALIZAR
Política
Diego Sorgato, um Tucano vestido de Democrata !
Diego Sorgato, um Tucano vestido de Democrata !
VISUALIZAR
Política
Bolsonaro assina MP que concede 13º pagamento do Bolsa Família
Bolsonaro assina MP que concede 13º pagamento do Bolsa Família
VISUALIZAR
Política
Prefeito de Luziânia é acusado de assédio sexual por sete mulheres
Prefeito de Luziânia é acusado de assédio sexual por sete mulheres
VISUALIZAR
Fale com a redação!

Encaminhe sua mensagem, assim que possível estaremos te respondendo ;)