Madeirada News

MENU
Logo
Sábado, 26 de setembro de 2020
Publicidade
Publicidade

Policial

Urgente! Ex-ministro Alexandre Baldy é preso em operação contra irregularidades na Saúde

Policiais apreenderam R$ 50 mil em um cofre na residência que Baldy mantém em Brasília

481
Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

força tarefa da Lava Jato prendeu, na manhã desta quinta-feira (6), Alexandre Baldy, secretário estadual de Transportes Metropolitanos de São Paulo, por suspeita de fraudes à Saúde, além de outras duas pessoas, entre eles o pesquisador da Fiocruz Guilherme Franco Netto.

O secretário foi detido pela Polícia Federal no âmbito da Operação Dardanários, contra desvios na Saúde no Rio de Janeiro e em São Paulo, envolvendo órgãos federais. De acordo com as investigações, o secretário de João Doria responde por atos supostamente cometidos antes de assumir a pasta.

Já o pesquisador Guilherme Franco Netto foi preso em Petrópolis, na Região Serrana do Rio de Janeiro. A Polícia Federal identificou "conluio entre empresários e agentes públicos, que tinham por finalidade contratações dirigidas".

Na operação de hoje, os agentes cumprem 6 mandados de prisão temporária e 11 de busca e apreensão em 3 estados e no Distrito Federal. Os mandados são cumpridos em Petrópolis (RJ), São Paulo (SP), São José do Rio Preto (SP), Goiânia (GO) e Brasília (DF). Além disso, após solicitação do Ministério Público Federal (MPF), determinou-se o bloqueio de bens e valores de mais de R$ 12 milhões.

A operação desta quinta é um desdobramento das investigações realizadas no âmbito das operações Fatura Exposta, Calicute e SOS. Os suspeitos vão responder pelos crimes de corrupção, peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Comentários:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Encaminhe sua mensagem, assim que possível estaremos te respondendo ;)