Madeirada News

GOIÁS-Grupo especializado em roubo de carga pode ter causado prejuízo de R$ 15 milhões

Investigações apontam pelo menos oito roubos de cargas alimentícias e de bebida


As Polícias Civil e Rodoviária Federal deflagraram, na manhã desta quinta-feira (8), uma operação em combate a um grupo especializado em roubo de cargas em Goiás. No total, oito mandados de prisão e seis de busca e apreensão estão sendo cumpridos pela Operação Baco e a estimativa é de que os prejuízos causados pelo grupo sejam de mais de R$ 15 milhões.

De acordo com a Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas (Decar), que conduz a operação, os suspeitos tinham como alvo carregamentos de comidas e bebidas. Pelo menos oito roubos teriam sido realizados pelo mesmo grupo em ações violentas, com uso de arma de fogo e restrição de liberdade das vítimas.

No total, 60 policiais trabalham na operação sendo 30 policiais civis e 30 da PRF. Mais informações serão divulgadas em coletiva de imprensa, ainda na manhã desta quinta-feira (8).


  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

GOIÁS-Grupo especializado em roubo de carga pode ter causado prejuízo de R$ 15 milhões

As Polícias Civil e Rodoviária Federal deflagraram, na manhã desta quinta-feira (8), uma operação em combate a um grupo especializado em roubo de cargas em Goiás. No total, oito mandados de prisão e seis de busca e apreensão estão sendo cumpridos pela Operação Baco e a estimativa é de que os prejuízos causados pelo grupo sejam de mais de R$ 15 milhões.

De acordo com a Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas (Decar), que conduz a operação, os suspeitos tinham como alvo carregamentos de comidas e bebidas. Pelo menos oito roubos teriam sido realizados pelo mesmo grupo em ações violentas, com uso de arma de fogo e restrição de liberdade das vítimas.

No total, 60 policiais trabalham na operação sendo 30 policiais civis e 30 da PRF. Mais informações serão divulgadas em coletiva de imprensa, ainda na manhã desta quinta-feira (8).

Publicidade