Madeirada News

MENU
Logo
Segunda, 03 de agosto de 2020
Publicidade
Publicidade

Policial

Ex PM, motorista de aplicativo é encontrado morto no DF

Ângelo Sebastião de Ávila era sargento aposentado da Polícia Militar

2129
Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando
A polícia investiga o assassinato de mais um motorista de transporte por aplicativo neste domingo (9/2). Ângelo Sebastião de Ávila, 71 anos, era sargento aposentado da Polícia Militar. O corpo dele foi localizado com diversas perfurações entre o Parque Marajó (GO),  e Alphaville, distrito de Cristalina.  
 
A morte foi confirmada pela PM em primeira mão ao Correio. Segundo investigações, a vítima atendeu uma corrida pelo aplicativo no Terminal  Rodoviário de Sobradinho com destino ao Parque Marajó. Até o fechamento desta reportagem, nenhum suspeito havia sido preso. O corpo do militar foi removido ao Instituto Médico Legal de Brasília para ser submetido a autópsia. 
 
Ainda neste domingo (9/2), um homem, de 27 anos, foi encontrado morto no Sol Nascente. Tulio César também era motorista de transporte por aplicativo. O corpo foi localizado por volta das 7h30 no Setor de Chácaras, na VC 311. O caso será investigado pela 23ª Delegacia de Polícia (Setor P Sul - Ceilândia).   

Outros casos

No início do ano, houve dois casos de violência contra motorista de aplicativo no Distrito Federal. O primeiro foi Aldenys da Silva, de 29 anos, encontrado morto enrolado em um plástico, às margens da BR-070, na região de Brazlândia, em 18 de janeiro. Ele estava desaparecido desde 3 de janeiro. A Polícia Militar prendeu um dos suspeitos do crime. 
 
No último dia 30, o motorista de aplicativo Samuel Veras dos Santos foi encontrado amarrado e ferido dentro do porta-malas do próprio veículo. De acordo com os investigadores do caso, a vítima ficou mais de 20h circulando com os criminosos. 
 
Os casos de violência envolvendo motoristas de aplicativo provocaram uma mobilização de parte da categoria. Nesta segunda-feira (10/2), um grande protesto está sendo organizado para pedir mais segurança. A concentração está marcada para as 7h, em frente ao Estádio Mané Garrincha. 

Comentários:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Encaminhe sua mensagem, assim que possível estaremos te respondendo ;)