Madeirada News

Cabeleireira é enforcada com fio de telefone no DF, filho e irmão são suspeitos do crime

Suspeito do feminicídio, irmão da vítima está foragido. Filho de Sandra Maria foi preso, acusado de ocultação de cadáver
Cabeleireira é enforcada com fio de telefone no DF, filho e irmão são suspeitos do crime
4872

Cabeleireira é enforcada com fio de telefone no DF, filho e irmão são suspeitos do crime

Ocorpo de Sandra Maria Sousa Moraes (foto em destaque), 39 anos, foi encontrado enterrado com um fio de telefone enrolado no pescoço na tarde desta segunda-feira (25/11/2019). O cadáver da mulher estava em área do Assentamento 26 de Setembro, em Vicente Pires.

A polícia prendeu o próprio filho da vítima, suspeito de ter ocultado o corpo da mãe. O irmão dela, o pedreiro Danilo Sousa Moraes, é considerado foragido. Os investigadores desconfiam que ele é o autor do assassinato. Essa é, até agora, a principal linha de investigação da 38ª Delegacia de Polícia, que pedirá a prisão do homem (foto abaixo).

REPRODUÇÃOReprodução

 
 

Filho de Sandra, Brendo Sousa Moraes, 21 anos, mostrou à polícia onde o corpo da mãe estava enterrado: cerca de 50 metros mata adentro e a 15 centímetros do chão. Brendo negou participação no feminicídio, mas acabou preso e será autuado por ocultação de cadáver.

As investigações indicam que o crime ocorreu no último sábado (23/11/2019) e Sandra Maria teria sido enforcada. A perícia confirmará a causa da morte.

 
 As apurações policiais estão em andamento. “A gente quer delimitar se foi só o Danilo que cometeu o feminicídio e se foi motivado por um lote na região 26 de Setembro”, pontuou o delegado-chefe da 38ª DP, Yury Fernandes.


A polícia soube do caso com a denúncia da filha de Sandra e irmã de Brendo, Samara Sousa Moraes, 22 anos.

Na manhã desta segunda, ela foi à 38ª DP e contou que fugiu da casa do tio, onde estaria presa desde sábado.

 

Segundo versão de Samara, o tio contou que a mãe estava morta. Depois, teria mantido a sobrinha em cárcere e a estuprou.

Sandra Maria era cabeleireira e tinha negócio próprio em Vicente Pires.

A família é do Maranhão.

OUVIR NOTÍCIA

Ocorpo de Sandra Maria Sousa Moraes (foto em destaque), 39 anos, foi encontrado enterrado com um fio de telefone enrolado no pescoço na tarde desta segunda-feira (25/11/2019). O cadáver da mulher estava em área do Assentamento 26 de Setembro, em Vicente Pires.

A polícia prendeu o próprio filho da vítima, suspeito de ter ocultado o corpo da mãe. O irmão dela, o pedreiro Danilo Sousa Moraes, é considerado foragido. Os investigadores desconfiam que ele é o autor do assassinato. Essa é, até agora, a principal linha de investigação da 38ª Delegacia de Polícia, que pedirá a prisão do homem (foto abaixo).

REPRODUÇÃOReprodução

 
 

Filho de Sandra, Brendo Sousa Moraes, 21 anos, mostrou à polícia onde o corpo da mãe estava enterrado: cerca de 50 metros mata adentro e a 15 centímetros do chão. Brendo negou participação no feminicídio, mas acabou preso e será autuado por ocultação de cadáver.

As investigações indicam que o crime ocorreu no último sábado (23/11/2019) e Sandra Maria teria sido enforcada. A perícia confirmará a causa da morte.

 
 As apurações policiais estão em andamento. “A gente quer delimitar se foi só o Danilo que cometeu o feminicídio e se foi motivado por um lote na região 26 de Setembro”, pontuou o delegado-chefe da 38ª DP, Yury Fernandes.


A polícia soube do caso com a denúncia da filha de Sandra e irmã de Brendo, Samara Sousa Moraes, 22 anos.

Na manhã desta segunda, ela foi à 38ª DP e contou que fugiu da casa do tio, onde estaria presa desde sábado.

 

Segundo versão de Samara, o tio contou que a mãe estava morta. Depois, teria mantido a sobrinha em cárcere e a estuprou.

Sandra Maria era cabeleireira e tinha negócio próprio em Vicente Pires.

A família é do Maranhão.

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Denúncia
Meu filho quase morreu, diz mãe ao não conseguir atendimento medico em Valparaíso
Meu filho quase morreu, diz mãe ao não conseguir atendimento medico em Valparaíso
VISUALIZAR
Policial
Polícia Procura autor de chacina após cavalgada no Pedregal
Polícia Procura autor de chacina após cavalgada no Pedregal
VISUALIZAR
Política
Milhares de peixes-pênis fizeram desaparecer a areia da praia de Drakes Beach, no litoral da...
Milhares de peixes-pênis fizeram desaparecer a areia da praia de Drakes Beach, no litoral da Califórnia (EUA)
VISUALIZAR
Policial
Herói ou bandido? Suspeito de espancar, castrar e esfaquear homem em Ceilândia é preso
Herói ou bandido? Suspeito de espancar, castrar e esfaquear homem em Ceilândia é preso
VISUALIZAR
Política
Com discurso intrepido, a pré-candidata a prefeita de Novo Gama Katia Oliveira começa a...
Com discurso intrepido, a pré-candidata a prefeita de Novo Gama Katia Oliveira começa a ganhar espaço na política local
VISUALIZAR
Policial
PCDF mira empresários suspeitos de fraudar licitações
PCDF mira empresários suspeitos de fraudar licitações
VISUALIZAR
Fale com a redação!

Encaminhe sua mensagem, assim que possível estaremos te respondendo ;)