Madeirada News

Autor de homicídio que carbonizou corpo das vítimas é preso no entorno

Suspeito de homicídio e tentativa de homicídio é preso em Águas Lindas; vítimas tiveram os corpos carbonizados

A equipe de policiais civis do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Águas Lindas deu cumprimento, na última sexta-feira (7), ao mandado de prisão temporária de Antônio Vieira de S. Filho, suspeito de envolvimento nos crimes de homicídio doloso consumado qualificado e tentativa de homicídio qualificado, seguidos de furto de veículo. Os fatos ocorreram entre os dias 7 e 8 de dezembro do ano passado no Setor 01, em Águas Lindas.

O caso chamou a atenção pela barbaridade das condutas. Os envolvidos no crime, após amarrarem a vítima Keite Oliveira Gonçalves na cama de sua própria casa, bem como ter amarrado a segunda vítima Luan Barbosa da Silva, atearam fogo no quarto, causando graves queimaduras em ambas vítimas, que conseguiram arrombar a porta do quarto e correram para a rua, com os corpos em chamas, pedindo socorro aos vizinhos.

A vítima Keite Oliveira não resistiu à gravidade dos ferimentos e veio a óbito, enquanto Luan ficou por vários dias hospitalizado em um hospital DE Brasília e sobreviveu. Instaurado o inquérito policial, foram levantadas as provas quanto à autoria, sendo representado pela decretação das prisões temporárias dos dois envolvidos, medida deferida pelo Poder Judiciário local e cumprida em face de Antônio Vieira. Seu comparsa Samuel da Silva Almeida está foragido e segue sendo procurado pela Polícia Civil.

  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

Autor de homicídio que carbonizou corpo das vítimas é preso no entorno

A equipe de policiais civis do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Águas Lindas deu cumprimento, na última sexta-feira (7), ao mandado de prisão temporária de Antônio Vieira de S. Filho, suspeito de envolvimento nos crimes de homicídio doloso consumado qualificado e tentativa de homicídio qualificado, seguidos de furto de veículo. Os fatos ocorreram entre os dias 7 e 8 de dezembro do ano passado no Setor 01, em Águas Lindas.

O caso chamou a atenção pela barbaridade das condutas. Os envolvidos no crime, após amarrarem a vítima Keite Oliveira Gonçalves na cama de sua própria casa, bem como ter amarrado a segunda vítima Luan Barbosa da Silva, atearam fogo no quarto, causando graves queimaduras em ambas vítimas, que conseguiram arrombar a porta do quarto e correram para a rua, com os corpos em chamas, pedindo socorro aos vizinhos.

A vítima Keite Oliveira não resistiu à gravidade dos ferimentos e veio a óbito, enquanto Luan ficou por vários dias hospitalizado em um hospital DE Brasília e sobreviveu. Instaurado o inquérito policial, foram levantadas as provas quanto à autoria, sendo representado pela decretação das prisões temporárias dos dois envolvidos, medida deferida pelo Poder Judiciário local e cumprida em face de Antônio Vieira. Seu comparsa Samuel da Silva Almeida está foragido e segue sendo procurado pela Polícia Civil.

Inscreva-se Newsletter

Inscreva-se em nossa newsletter e receba em primeira mão nossas novidades!
[CARREGANDO...]

Publicidade